Cervejaria Invicta passa a fabricar e distribuir para a Cervejaria Urbana

A fábrica ribeirão-pretana já iniciou a produção e deve anunciar lançamento de novas cervejas em breve

No Brasil, o setor cervejeiro apresentou faturamento de R$ 107 bilhões no ano base de 2017, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria da Cerveja. Neste cenário, Ribeirão Preto é referência quando o assunto é produção de cerveja e cresce cada vez mais. Em 2019, a Cervejaria Invicta aumenta seu portfólio de rótulos e passa a fabricar e distribuir para a Urbana de São Paulo.

As cervejas Gordelicia e Refrescando a Safadeza já estão sendo produzidas na fábrica ribeirão-pretana. “Conheço e admiro o trabalho da Invicta há anos. Faz algum tempo que iniciamos a conversa sobre essa possibilidade de trabalhar juntos e esse ano finalmente aconteceu”, revela André Leme Cancegliero, proprietário da Cervejaria Urbana.        

A ideia é aumentar a produção em volume e rótulos de acordo com a demanda do mercado. “Com essa parceria, nossa expectativa é que nossa cerveja fique mais acessível e chegue mais fácil ao nosso consumidor”, ressalta André.

De acordo com Rodrigo Silveira, mestre-cervejeiro e diretor da Cervejaria Invicta, a parceria só está começando. “Nós estamos preparando o lançamento de uma IPA para breve e com novos equipamentos que vamos receber na cervejaria, temos também o projeto de lançarmos em cervejas do segmento U-lab, que é uma linha mais elaborada da Urbana”, afirma.

Para quem quiser experimentar as novidades, o próximo Invicta Knock Down, que acontece no dia 16 de fevereiro no espaço de eventos da cervejaria, terá nas torneiras as cervejas Gordelícia, que é uma Elgian Strong Golden Ale e a Refrescadô de Safadeza, uma Session IPA.

Mais informações sobre o Knock Down podem ser obtidas na página facebook.com/cervejariainvicta, no perfil instagram.com/cervejariainvicta ou pelo número (16) 3236-1365

Com informações da Assessoria de Imprensa

facebook-profile-picture

About Léo Romano

Beer Sommelier formado pela Doemens Akademie.

Deixe uma resposta